Who's amoung us?

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

BEM-VINDO, DÉLCIO!

O Filhos do Cauê acaba de receber mais um reforço para o time que ama Itabira e se dispõe, voluntariamente, a ajudar a bilionária cidade a se enquadrar onde mereceria estar, desde sempre.
 
Trata-se de Délcio Fonseca Mafra, cidadão de bem e do bem, espírita e homem que atua em várias frentes assistenciais na cidade. Délcio é aguerrido como nós e se opõe às desigualdades e desmandos da política. Na primeira contribuição dele no blogue, uma justa colocação de como deveria ser a imprensa, principalmente a itabirana.
 
É isso aí, Délcio! Seja super bem-vindo!

3 comentários:

  1. Ao falar sobre a imprensa, esse senhor deveria ter dado nomes aos bois. Falando claramente que são os jornais ruins, as radios ruins Ele generalizou tudo, pelo que endendi.

    ResponderExcluir
  2. Aloisio R. A. Junior8 de novembro de 2011 01:46

    E precisa dar nome aos Bois ???
    Pior cego é aquele que não quer ver!!!!
    Vamos dar nome a imprensa imparcial que não sobrevive de verbas que deveriam ser aplicadas em saúde e educação:
    1. Jornal O trem
    2. O Blog Filhos do Cauê
    3.Jornal Impacto
    4.?????

    ResponderExcluir
  3. Concordo com o cinegrafista da Tv Cultura. Adoro a leitura do Trem, que é um orgulho pra nossa cidade ter um jornal assim, e também gosto muito do site Filhos do cauê, que fala as coisas da política na lata, sem meias palavras. Ronaldo Gomes, Caminho Novo.

    ResponderExcluir

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.