Who's amoung us?

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

PELA FICHA LIMPA E CONTRA COMPRA DE VOTOS



Caros leitores, recebemos o convite abaixo (clique no link "Mais informações" no final, para expandir a postagem), do MCCE (Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral), para adesão à INICIATIVA POPULAR PARA A REFORMA DO SISTEMA POLITICO, com focos na Lei da Ficha Limpa e na Lei Contra a Compra de Votos.
 
Como tanto ouvimos falar, nas eleições passadas em Itabira, não faltaram denúncias de compra de votos, bem como, a todo dia, temos ouvido e lido notícias de corrupção. Estes são os maiores temores dos nossos conterrâneos e que tanto têm comprometido na permanência de maus políticos nos poderes. Políticos estes que têm dado péssimos exemplos e outros que têm torrado a bilionária arrecadação itabirana nas barganhas, nos apadrinhamentos, nas estranhas contratações de empreiteiras "patrocinadoras" eleitorais, no inchaço da máquina e no enriquecimento expontâneo de algumas cabeças ligadas aos poderes.
 
Daí, para que mudemos este triste rumo na cidade e no país, é momento de cada um de nós tirarmos as mãos dos bolsos e partirmos para a defesa. A forma mais fácil é clicar neste link (clique aqui). Caso queiram mais informações e baixarem o formulário, basta expandir esta postagem, clicando em "Mais Informações".
 
Contamos com a participação de todos!


"Prezados/as Lutadores/as por uma reforma politica com participação popular,


A Plataforma dos Movimentos Sociais pela Reforma do Sistema Político é uma articulação política da Redes, Fóruns e Movimentos da sociedade  civil e desde 2005 tem se organizado pela aprovação de uma reforma ampla do sistema político. O MCCE ( Movimento de Combate a Corrupção Eleitoral) tambem é uma articulação da sociedade civil que luta pelo fim da corrupção eleitoral. O MCCE ja organizou duas iniciativas populares importantes: lei da ficha limpa e lei contra a compra de votos.

Estas duas articulações lançaram em agosto a INICIATIVA POPULAR PARA A REFORMA DO SISTEMA POLITICO. Como sabemos precisamos coletar 1.500.000 assinaturas para dar entrada no Congresso com o projeto de lei. Para isso estamos organizando uma semana nacional de coleta de
assinaturas, a semana de 15 de novembro.

Estamos lançando o desafio que cada um e uma de nós colaborem coletando 30 assinaturas e repassando este email para mais 3 pessoas. Anexo encaminhamos o folder e formulario da Iniciativa
Popular e o texto registrado em cartorio com a proposta na integra (vide links abaixo). 

O endereço para envio dos formularios consta no proprio formulario (vide link abaixo).

É possivel tambem assinar a Iniciativa Popular via site (link disposto abaixo).

Abaixo segue outras informações importantes.

Abs e vamos a luta!

moroni

Outras informações importantes;

No site www.reformapolitica.org.br tem bastante materiais e informações:

1. Documento registrado no cartorio com a integra da proposta
http://www.reformapolitica.org.br/component/content/article/26-em-destaque/213-proposta-de-iniciativa-popular-para-a-reforma-do-sistema-politico-brasileiro.html

2. Ficha de coleta de assinaturas para a Inciativa Popular:
http://www.reformapolitica.org.br/biblioteca/cat_view/59-folder-e-assinaturas.html

3. Programas de rádio em defesa de uma reforma do sistema política:
http://www.reformapolitica.org.br/radio/radio-da-plataforma.html

5. Quem somos:
http://www.reformapolitica.org.br/quem-somos/as-entidades.html


________________________________________

SANDRO MEIRELES
Assessoria de Comunicação - Comitê Nacional
Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral
(61) 2193 9646
www.mcce.org.br

LEI DA 'FICHA LIMPA' - 1 ANO
MUITOS ANOS DE VIDA
"

Um comentário:

  1. Acho que devíamos fazer uma mobilização na cidade, principalmente contra a compra de votos na época das eleições... impartidária.. o que acham?

    ResponderExcluir

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.