Who's amoung us?

segunda-feira, 6 de maio de 2013

CASSAÇÃO: CHAMAMENTO PARA OS ADVOGADOS

(Geral)

Alô advogados das partes do governo e da oposição!

Temos visto e ouvido diversas especulações na cidade, blogues e nas redes sociais, das mais diversas tendências, sobre as possíveis sentenças a serem dadas nos próximos dias pelo Juiz José Afonso Neto, referentes aos 2 processos de cassação 63.888 e 63.973, cujas audiências completaram 1 semana hoje. A previsão que o Juiz apresente os resultados por volta do dia 10 (sexta-feira). 

Do lado governista, os militantes defendem que devem resultar em multas, ora que o promotor xingou um dos depoentes sugerindo que a Justiça não era circo. Da parte da oposição, que o promotor chegou a ameaçar prender um depoente que pareciam ter dado falso testemunho. Bem como há populares apostando que terminará em pizza.

Daí, lançamos esta chamada para abrir este canal para as 2 partes, de forma democrática e isenta. Gostaríamos de contar aqui com as duas versões, sobre quais são as expectativas de sentenças que vocês têm, para cada um dos itens pedidos nos 2 processos? Queremos postar amanhã, provavelmente antes que o juiz dê a sentença. Que tal?

Sugerimos a todos para que não excedam nas expectativas, porque reputação, como bem sabem, é algo bem difícil de construir. Caso hajam outros advogados que se interessem em expressar suas opiniões e expectativas de forma ética, técnica e colaborativa, estamos à disposição.

Mãos à obra, que a população aguarda ansiosamente. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.