Who's amoung us?

quinta-feira, 7 de abril de 2011

ANTENA LIGADA E AS DESCONEXÕES

Tião da Antena, novo vereador empossado após a saída do Neidson, põe banca nas primeiras reuniões. Não aceitou as desculpas do governo para dar mais prazo para as empresas do distrito industrial, para pagarem suas dívidas com o Fundesi.

Quando trabalhei na Prefeitura, lembro-me que o Jackson pediu uma consultoria para avaliar a inadimplência no Fundesi, de empresários que pegaram muito dinheiro na gestão do Li e não pagavam.  Foram disponibilizados, senão me engano, 10 milhões de reais. Segundo os estudos, na época, enquanto a inadimplência no Banco do Povo, dos moradores da Favela da Rocinha, no Rio de Janeiro, era de 5%, aqui, em Itabira, os empresários somavam 95% de atrasos no pagamento de suas dívidas. Com isso, o dinheiro deixou de circular e, praticamente, não vimos mais nenhuma outra iniciativa à altura. Os donos dos carrões importados que aqui vieram e impressionaram, com promessas de centenas de empregos, sumiram com as máquinas compradas com dinheiro da cidade, deixando galpões vazios.

Tenho em minha memória a imagem nítida do Ronaldo Magalhães e do João Izael, em campanha para tomar o governo das mãos do Jackson (1999), em meio ao mato no distrito, criticando que, devia-se ao adversário político, o "abandono" do distrito. Eles conseguiram assumir a prefeitura, 10 anos se passaram e, praticamente, nada mudou, a não ser as barrigadas nas contrapartidas e nas responsabilidades.

Graças aos demais vereadores, que preferiram dar mais uma "chancezinha", o projeto do novo arrego foi aprovado (segundo  o Diário de Itabira pela sétima vez), mesmo à contra-gosto do Tião. Só não sei se as ditas contas são ainda aquelas da época do Li. Se forem, vai abaixar as saias assim lá longe!

Um comentário:

  1. O Tião tá mostrando a que veio pelo menos por enquanto e confesso que estou na torcida para que ele consiga sobreviver. Sabemos que a Câmara é extremamente subserviente e adora lamber a mão de quem lhe alimenta. Viver naquele meio não é fácil. A prova maior é o Alexandre, durante anos foi o maior representante da oposição de toda podridão naquele lugar, mas como sabemos, não aguentou as propostas, cochichos ao pé do ouvido, promessas e cedeu às tentações, se afundando no lamaçal e hoje se delicia a bel prazer junto com o Capeta e outros, brigando para lamber a mão também. Tomara que o Tião tenha forças, mas sinceramente não acredito. Um comentarista disse na Defatonline: "Isso deve ser porque ele ainda nao passou no gabinete da secretária de governo..." Prove-nos o contrário Tião!!!

    ResponderExcluir

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.