Who's amoung us?

quinta-feira, 28 de abril de 2011

PERGUNTEM PRA ELES

Hoje, às 7 e meia da noite, acontece o lançamento do Programa Agenda 2012, da dobradinha PP e PT. Minha expectativa é que desse programa saiam os pré-candidatos à prefeito (Neidson Freitas) e vice (Alexandre Banana), podem ainda apresentarem a aprovação do projeto do Restaurante Popular, que será bem legal para a cidade.

É bem provável que eu não possa ir, porque tenho agenda em 3 cidades amanhã. Se algum de vocês puder dar uma chegadinha por lá, seria muito legal e bastante oportuno perguntar para os políticos do PP e agora do PT, incluindo-se aí o ex-presidente da Câmara Neidson Freitas-PP, o atual presidente Tãozinho Leite-PP, o vereador Carlinhos Sacolão-PP e o Alexandre Banana-PT, onde é que foram parar os vinte e tantos milhões de reais para a construção da Unifei, que o Banana  denunciou em sua última campanha, aprovada no primeiro mandato do governo do João Izael, sem que nenhum tijolo fosse erguido. Só bem depois que ela começou a ser construída, em outro orçamento fiscal. Pelo menos o Neidson, Carlinhos e Tãozinho têm obrigação de saber, afinal são fiscalizadores municipais da bancada do Prefeito.

A pergunta tem razão de ser exposta, porque essa turma do grupão acaba de entregar a primeira etapa do prédio da Unifei para funcionamento, sem restaurante e sem lanchonete, num local totalmente isolado e sem recursos, para alunos que estudam por lá o dia inteiro. Tá osso. Literalmente.

Nesta semana, nobres edis, um vendedor ambulante de cachorros-quentes, depois de vender todo seu estoque, teve que negociar pão com molho, até não restar nenhuma gota. Se o campus não fosse tão distante e a passagem tão cara... até que dava para aguentar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.