Who's amoung us?

quinta-feira, 21 de abril de 2011

PERTOS DA SOLUÇÃO

MAIS LENHA NA FOGUEIRA

 
Ontem, uma parte da ponte do rio das Velhas, na saída de BH, cedeu e causou transtornos para o já intenso tráfego da famigerada BR-381, em pleno início de feriadão de Semana-Santa. 

Ao que pareceu, até os santos estão conspirando e mandando o recado para que a duplicação aconteça logo. Os eleitores já não têm mais qualquer saco para desculpas dos políticos. 
Só lembrando, nas negociações da privatização da Vale, havia sido acordada essa bendita duplicação com os prefeitos da ocasião e com os governos estadual e federal.

AGORA VAI...

Para a sorte do Dnit, Departamento Nacional de Infra-estrutura de Transportes, nesta semana foi publicado o edital 087/2011, com o propósito de selecionar empresas de consultoria especializada para a elaboração do projeto básico e executivo de engenharia, dos lotes 9 e 10 (trechos que cortam cidades do Médio Piracicaba, entre Nova Era e São Gonçalo). É a segunda tentativa, uma vez que são os mais complicados do projeto e que não tinham recebido propostas, no ano passado.
Todos os demais 8 lotes já foram projetados e aguardam apenas o início das obras.

Fonte: Defato Online.

E CADÊ O WALLY?

Sem querer pegar no pé do "assessor" do Anastasia, Neidson Freitas-PP, mas já pegando..., esta foi a segunda oportunidade perdida por ele, na mesma semana, para mostrar serviço. Afinal, ele alegou que havia topado ir para o governo do estado, para pleitear esta significante obra, para lutar pela revisão dos royalties (antes de ontem aconteceu uma importante reunião com o Anastasia e os prefeitos da Amig. Clique aqui para ler.) e para defender o meio ambiente. Até o momento, necas dele.

Daqui a pouco, os reais responsáveis fazem tudo sem ele e não vai sobrar nem discurso para ele. 

Será que ele emendou o feriadão e partiu para as baladas, como bem sugeriu um leitor do Filhos-do-Cauê?

Cadê o menino?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.