Who's amoung us?

quinta-feira, 21 de abril de 2011

PREFEITURA DE ITABIRA: PRECISAM-SE DE TRABALHADORES

Segundo o portal de notícias Via Comercial (clique aqui para ler), os principais pontos turísticos itabiranos, dentre eles a Fazenda do Pontal, o Memorial Drummond e a galeria do Centro Cultural estarão fechados hoje e amanhã, em pleno início de feriadão.

Justamente nos dias em que a cidade pode receber visitantes, tudo estará fechado. Para quem aqui visitar, terá que esperar nas portas até sábado, quando serão reabertos. Enquanto isso, sugerimos aos turistas comprarem um tabuleiro de xadrez, ou um jogo de cartas, para jogarem paciência. Truco não vale, porque pode incomodar os funcionários em descanso. Que tal?

Esta nota do portal é tão bizarra quanto vermos um restaurante fechado para almoço. Mesmo depois de ajeitar 1155 boquinhas a mais no governo*, fora o Saae e Itaurb, ao que parece, ainda está faltando gente para trabalhar. Ah, sim, antes que me critiquem, disse para TRABALHAR, não para ocupar vagas, no esqueminha. Entenderam?



* O total de 1155 funcionários está distribuído entre comissionados, estagiários, contratados e terceirizados. Não estão incluídos os demais contratados e "indicados" políticos via Saae, Itaurb, agências, entidades filantrópicas, clubes... Soma que pode chegar a uns 2000, acreditamos.

Um comentário:

  1. Adorei!!! kakakaka A Super-Entendente da FCCDA só serve para pintar os tijolinhos do prédio do Centro Cultural. Gerir a cultura de Itabira que é bom, necas!!!!!! kakakaka Caramba, esta nota tem que ser divulgada no Facebook e no Twitter, pô!!!

    ResponderExcluir

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.