Who's amoung us?

domingo, 8 de maio de 2011

DE PRIMEIRA MÃO!

Mesmo sem uma confirmação final, por parte do Governo Federal, a proposta de construção de um restaurante popular em Itabira, encabeçada pelo Alexandre Banana-PT, atual diretor da Câmara Municipal de Itabira, alcançou o primeiro resultado.

Acabamos de receber a aprovação prévia do projeto. Vide tela abaixo.
Pelo visto, a melhoria da imagem do governo do João Izael (quem diria?) está nas mãos do partido que eles mais bateram. Ponto para o PT.


Mais informações: clique aqui.

3 comentários:

  1. Muito Bom....ficamos aii na espera do próximo passo..q seria?

    ResponderExcluir
  2. Como era de se esperar, tão logo o PT nos contatou e passou a informação do Restaurante Popular, que a imprensa chapa-branca correu logo para tratar o caso como iniciativa maior do Tãozinho Leite-PP.

    Tãozinho e o PP itabirano eram quase zeros à esquerda em termos de relacionamento com o deputado federal Leonardo Monteiro-PT e com o Patrus Ananias, ex-ministro do Desenvolvimento Social, que alertou o Alexandre Banana dos prazos para envio de propostas, prevista no projeto da campanha de 2008, quando ele e Damon disputaram, só que pela chapa de oposição.

    Banana goza de muito bom conceito e bom acesso com ambos políticos do PT. Enquanto o PP, até então, detonava com a imagem do PT em coro com o grupão. Daí, a insatisfação popular nesta composição.

    Temos que ser justos. Se vier o restaurante popular, mérito maior do Banana. Ele é quem plantou e abriu caminho para o projeto. Tãozinho, no meu entendimento, foi mero acompanhante de viagem, que com Banana fez coro. Ao João Izael, outra parte dos créditos, precisamente em 10%, que é o tamanho da participação do governo itabirano no empreendimento e se vier a sair.

    Agora, se os dirigentes do PT preferirem entregar os méritos, de bandeja, para o PP, Tãozinho e para o João Izael, para não correrem os riscos de perderem as 2 cadeiras... fazer o quê?

    ResponderExcluir
  3. não sei dizer quem é mais incompetente... se é o fernandinho ou os comentários, quem pegar as promessas políticas do joao, vai ver lá, o restaurante popular... aiai! PT!

    ResponderExcluir

São aceitos comentários com autoria não identificada (anônimos), desde que não exponham ou citem nomes de pessoas ou instituições de formas pejorativa, caluniosa, injuriosa ou difamatória e mesmo que sejam expostos de forma subliminar ou velada.

Durante o período eleitoral, não serão publicados comentários que citem nomes de candidatos, nem de forma elogiosa, nem crítica.

Caso queira postar uma denúncia, é necessária a identificação do autor (nome completo e e-mail para contato), para que o comentário seja validado. Caso não possa se expor, envie um e-mail para a editoria (contatoitafq@yahoo.com.br), para que a denúncia seja apurada e certificarmos que há condições legais e justas para pautarmos uma postagem.

EM FASE EXPERIMENTAL: Os interessados que tiverem conta no Facebook e que não queiram seus comentários submetidos à moderação podem solicitar as suas inclusões no grupo de discussões "Filhos das Minas", ou, caso já seja participante dele, basta postar seu comentário diretamente no Facebook.